Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript!

06/02/2024

Aeroblus (1977)

Norberto Napolitano, popularmente conhecido como Pappo, nasceu em março de 1950 na província de Buenos Aires, Argentina. Começou sua carreira em 1968 tocando numa das primeiras formações do Los Abuelos De La Nada. Em 1969 foi para o Los Gatos onde permaneceu por 2 anos. Mas foi só em 1971 que ele montou o seu projeto mais conhecido, o Pappo’s Blues. Entre 71 e 78 a banda registra nada mais do que 7 ótimos trabalhos. Porém em 1975 a banda decide dar uma pausa em suas atividades. Pappo nessa época conheceu um tal de Lemmy Kilmister com quem fez amizade rapidamente tanto que esteve cotado a fazer parte de uma das primeiras encarnações do Motörhead, mas problemas com a imigração ruíram com a ideia. Pappo, como sempre, não queria ficar parado então decida montar um novo grupo, o Aeroblus, que foi formado ainda mesmo em 1977. Para o posto de baixista foi chamado Alejandro Medina, que ja havia cruzado caminhos com o Manal. O baterista viria a ser o sensacional e extremamente talentoso baterista brasileiro Rolando Castello Jr.
 

Com uma fortíssima formação já definida, era hora de partir pro estúdio e registrar o seu debut… que infelizmente acabou ficando como o seu único álbum. Em maio de 1977 “Aeroblus” estava pronto. A banda, naturalmente, vai divulgar o disco fazendo pequenas shows baseando-se basicamente em Buenos Aires e suas redondezas. A pretensão não era algo muito grande, estavam tocando por amor ao Hard Rock (que buni *-*), mas logo o brasileiro Rolando Jr. teve que voltar ao nosso país e o projeto acabou por ali. Pappo e Medina logo reataram o Pappo’s Blues e deram a luz ao 7º álbum de estúdio deles. O guitarrista segue para a Europa aonde fica até 1980 tendo inclusive tocado com a banda de Peter Green!. 

Após sua temporada no velho continente terminar, Pappo volta a sua terra natal (Argentina) e cria outra banda, que simplesmente se chamava “Riff”, grupo que tinha influência grande do Heavy Metal oitentista de Motörhead, Judas Priest e AC/DC. O Riff registrou 6 álbuns de grande sucesso em seus 4 primeiros anos de estrada. Depois do Riff, Pappo se mandou para o Patrulha do Espaço, isso mesmo… a já conhecida banda Brasileira! \o/ No seus tempos de Patrulha, Pappo trabalhou novamente com seu velho amigo baterista Rolando Castello Jr, que também tocou com o Inox. Em 1985 sau “Patrulha 85″, o único disco deles com Pappo. Tudo correu bem, mas tempos depois o guitarrista teve que retornar para a “terra dos hermanos” pois seus visto aqui não era permanente. 

Em 1986 Pappo revive o seu Riff e continua a lançar trabalhos com eles. Mais para o início dos anos 90 o cara também trabalhou com o Widow Maker e Plan Diabólico, deixando pelo menos um álbum oficial com ambos grupos. Ainda nos 90′s Pappo tocou com ninguém menos que B.B King (!!!) que ficou maravilhado com a habilidade do cara ao ver uma apresentação sua em uma turnê na Argentina e acabou por convidar Pappo a se juntar a ele no palco em um show no Madison Square Garden em NYC! 

Da metade para o fim dos anos 90 Pappo continuou em atividade, liberando álbuns hora pelo Riff, hora pelo Pappo’s Blues. Até Carmine Appice tocou com ele no disco “Caso Cerrado” do Pappo’s Blues liberado em 1995! 

Em 24 de Fevereiro de 2005 Pappo foi jantar com seu filho Luciano e namorada de seu filho em um restaurante argentino. O dono do restaurante disse que o guitarrista saiu de lá embriagado, mas o seu filho nega, dizendo que os três não tomaram mais do que a metade de uma única garrafa de vinho, portanto Pappo (que adorava um birita) não poderia estar sobre efeito da bebida. Já na estrada a Harley (uma de suas paixões era a velocidade) do músico argentino tocou a moto de seu filho. Pappo perdeu o controle e foi deslizando pelo asfalto até um Renault Clio que vinha na direção contrária se chocar com ele causando imediatamente sua morte. Triste fim para um dos melhores guitarristas que o mundo já ouviu.

Integrantes.

Pappo Nappolitano (Guitarra e Vocal)
Alejandro Medina (Baixo)
Rolando Castello Jr. (Bateria)
 
01. Vamos A Buscar La Luz
02. Completamiente Nervioso
03. Tema Solisimo
04. Arboles Difusores
05. Vendriamos A Buscar
06. Aire En Movimiento
07. Vine Cruzando El Mar
08. Nada Estoy Sabiendo
09. Sofisticuatro
10. Buen Tiempo

(320Kbps)

Opção 1.
Opção 2.
 
 
Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: alex.classicrock@yahoo.com.br

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.

Nenhum comentário :

Postar um comentário